CANCIONEIRO DA CAÇA

"JAMBOCK DE SANTA CRUZ"

 

No carnaval de 1948, surgiu uma outra marcha que fez enorme sucesso. Foi o "Pirata da Perna de Pau" que foi logo adaptado e exalta a ação da FAB, no Teatro de Operações do Mediterrâneo, durante a IIa Guerra Mundial.

O "Jambock de Santa Cruz" era normalmente puxado pelo Ten. Eduardo Bruno Barbosa, os saudosos "Boquinha", amante de ópera que com sua voz de "tenorzinho" foi um dos grandes divulgadores do Cancioneiro.


"JAMBOCK DE SANTA CRUZ"

Eu sou o Jambock de Santa Cruz
Que leva no peito o bravo avestruz
Eu sou o Jambock de Santa Cruz
Que leva no peito o bravo avestruz
  
Que foi à guerra
Que passou frio em roupa de verão
Que levou tiro
Ponto 50 e de canhão
E quando a coisa esquentava
Ouvindo o ronco de seu avião
O boche embaixo gritava
Ôpa, bomba não!
 

 

 

Temos 6 visitantes e Nenhum membro online